VACINA DA FEBRE AMARELA ESTÁ DISPONÍVEL NAS UBS’S PARA QUEM FOR VIAJAR PARA ÁREAS DE RISCO

A Secretaria da Saúde da Navegantes informa que estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde do município as vacinas contra a febre amarela.

Apesar de Navegantes não ser uma região endêmica, a vacinação é recomendada para as pessoas que forem viajar para áreas de risco.


A Secretaria da Saúde da Navegantes informa que estão disponíveis nas Unidades Básicas de Saúde do município as vacinas contra a febre amarela. Apesar de Navegantes não ser uma região endêmica, a vacinação é recomendada para as pessoas que forem viajar para áreas de risco.

Conforme a Secretária-Adjunta da Saúde, enfermeira Marluza Trevisan, a dose única da vacina pode ser encontrada em todas as unidades que possuem sala de vacinação no município: UBS Central, Verde Mar, Gravatá, São Domingos 2, Porto das Balsas, Nossa Senhora das Graças, Machados, Escalvadinho e São Pedro.

Para poder tomar a vacina, o cidadão que estiver com viagem marcada deverá dirigir-se à unidade de saúde mais próxima e fazer a solicitação da vacina antecipadamente, em um prazo mínimo de 10 dias. A medida é necessária por recomendação do Ministério da Saúde, já que uma dose da vacina não é aplicada individualmente, mas sim para um grupo de cinco pessoas.

 


Saiba mais:

Quem pode tomar a vacina da febre amarela?

A vacina está indicada para todas as pessoas de 9 meses até 60 anos de idade que não tenham nenhuma contraindicação.

Quem não pode tomar a vacina? Quais as contraindicações?

1. Imunossupressão: Esta é principal contraindicação. Isso significa que as pessoas que por alguma razão estejam com o sistema imunológico comprometido por quaisquer doenças ativas que cursem com imunossupressão e/ou pelo uso de quaisquer medicamentos que levem à imunodepressão - como quimioterápicos ou corticoides em altas doses- não devem receber a vacina.

2. Gestantes: APENAS as gestantes que moram em área de extremo risco, localizadas em 75 municípios do Brasil, devem tomar a vacina. Não há orientação para vacinar as gestantes que NÃO residem nestas áreas.

3. Alergia Grave ao OVO: Pessoas que tem alergia importante e grave ao ovo não devem receber a vacina.

4. Bebês com menos de 6 meses de idade: O vírus da vacina pode causar problemas neurológicos nos bebês pequenos. As mães que amamentam bebês com menos de 6 meses de idade também NÃO devem receber a vacina, a não ser em situações de risco muito específicas, uma vez que depois da vacina estas mães devem ficar pelo menos 10 dias sem amamentar. O leite deste período deve ser desprezado. Por isso, recomenda-se que mães lactantes de bebês com menos de 6 meses sejam individualmente avaliadas para que se possa ponderar o risco e o benefício da vacina ante a interrupção da amamentação.

A vacina dá muitos efeitos colaterais?

Os efeitos colaterais mais comuns da vacina da febre amarela são os mesmos das outras vacinas: um pouco de dor no local da aplicação, dor no corpo, febre e mal-estar. Importante lembrar que nem todas as pessoas apresentam estes sintomas.

Quantas doses são necessárias para garantir proteção?

UMA dose protege a vida toda, segundo os estudos mais recentes. Por isso, quem já tomou pelo menos UMA dose da vacina na vida NÃO precisa se revacinar, mesmo que esta dose tenha sido ministrada há mais de 10 anos. A única exceção é para as crianças de 9 meses a 5 anos de idade. Quem recebeu uma dose neste período deve receber um reforço depois dos 5 anos.

Recebi um certificado de vacina contra a febre amarela para viajar e lá consta que devo fazer uma dose de reforço depois de 10 anos. Isso está valendo?

NÃO. Não está valendo mais. Esta era a orientação antiga que foi atualmente reformulada. As autoridades de saúde reconheceram que apenas UMA dose é suficiente para garantir proteção.

 

 

 


Fonte: Secretaria de Comunicação de Navegantes
Texto: Louise Benassi - SC 002880/JP
Fonte: G1