Em visita à seleção, Hortência enfatiza o valor da união para construir grupo vencedor

A Seleção Adulta Feminina recebeu uma visita especial durante o treino desta quinta-feira (18.07), na Arena Coronel Wenceslau, no Parque Olímpico de Deodoro. A campeã mundial Hortência Marcari acompanhou a movimentação e conversou com as atletas sobre a oportunidade e desafios de defender uma equipe nacional.

"Procurei falar da minha experiência, mas também da importância da união da equipe na busca de um objetivo. Não adianta planejar, treinar, ter estratégia e tática de jogo se a equipe não estiver unida", disse Hortência.

Hortência (C) no Parque Olímpico de Deodoro: motivação extra para o grupo que vai ao Pan. Foto: CBB/DivulgaçãoHortência (C) no Parque Olímpico de Deodoro: motivação extra para o grupo que vai ao Pan. Foto: CBB/Divulgação

Uma das maiores jogadoras da história do basquete brasileiro, Hortência foi titular da Seleção com apenas 16 anos. Apelidada de Rainha, a ala chegou a fazer 121 pontos em uma partida válida pelos Jogos Regionais de 1991, pela equipe de Sorocaba. Estreou na seleção nos Jogos Olímpicos de Barcelona, em 1992. Foi protagonista no título Mundial de 1994, na Austrália, e chegou à medalha olímpica com uma prata em Atlanta, 1996.

"Eu me lembro que a minha geração ganhou força com o título no Pan-Americano de Cuba, em 1991. Ali a equipe surgiu. Foi um ciclo importantíssimo e talvez a mola propulsora para as conquistas que tivemos depois. Agora temos mais um ciclo, para começar a marcar uma nova época", argumentou a ex-jogadora.

Gerente Técnica da delegação e companheira de quarto da ex-atleta, Adriana Santos acompanhou o treino e destacou a importância da visita de Hortência na Seleção. "A oportunidade de estarem passando isso para as meninas é enriquecedora, além de ser um ícone do basquete mundial e campeã pan-americana. Elas tiveram a oportunidade de terem exemplos práticos de perto, perguntando e conversando, além de tirar dúvidas de como acontecia na época delas. Uma troca maravilhosa e produtiva para essa geração. Muito valioso e importante para o processo de amadurecimento desse grupo", destacou a atleta, que marcou seu nome em três Mundiais (94, 98 e 2002), três Jogos Olímpicos (92, 96 e 2000) e dois Jogos Pan-Americanos (91 e 99).

 

Desafio em Lima

A equipe comandada pelo treinador José Neto está se preparando na Arena Olímpica de Deodoro para os Jogos Pan-americanos de Lima, no Peru, de 26 de julho a 11 de agosto. A Seleção segue treinando em dois períodos (10h00 às 12h00 e 17h00 às 20h00). O embarque para Lima está marcado para 31 de julho no Aeroporto Internacional do Galeão (RJ).

O Brasil está na Chave A da competição continental, ao lado de Paraguai, Porto Rico e Canadá. O Grupo B tem Estados Unidos, Argentina, Colômbia e Ilhas Virgens. As equipes jogam entre si em turno único e as duas melhores de cada chave seguem para a semifinal. O primeiro compromisso das brasileiras será no dia 6, contra o Canadá.

 

 

 


Fonte: Confederação Brasileira de Basquete

Saúde & Bem Estar

More Articles

Tecnologia

More Articles