Mulher acusa Neymar de estupro; jogador nega

Atacante brasileiro é acusado de estuprar mulher em Paris. Ele nega o crime, alega que relação foi consensual e que foi vítima de uma armadilha.


Concentrado com a seleção brasileira no período de preparação para a Copa América, que terá início no dia 14, Neymar foi acusado de estuprar uma mulher em Paris, segundo um Boletim de Ocorrência registrado em São Paulo. O jogador publicou um vídeo nas mídias sociais negando a acusação.

A denúncia foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo. De acordo com o registro, o estupro teria ocorrido em um hotel da capital francesa no dia 15 de maio.

"Houve uma denúncia registrada pela vítima na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher. A investigação policial transcorre em sigilo", afirmou o órgão em nota.

A vítima, que não foi identificada para manter o anonimato, relatou na denúncia que conheceu o jogador do Paris Saint-Germain através das redes sociais e ambos começaram a trocar mensagens.

Segundo ela, Neymar a convidou para que se encontrassem em Paris. Um dos assessores do jogador entrou em contato com a mulher para enviar as passagens de avião e dados da hospedagem.

A mulher relatou que se hospedou no Hotel Sofitel Paris Arc de Triomphe, aonde Neymar chegou por volta das 20h, "aparentemente embriagado".

"Começaram a conversar, trocaram "carícias", porém em determinado momento Neymar se tornou agressivo e, mediante violência, praticou relação sexual contra a vontade da vítima. A vítima afirma que foi embora de Paris na data de 17/05/2019, retornando ao Brasil", afirma a denúncia divulgada pelo "globoesporte.com".

A vítima disse que estava "abalada emocionalmente" e "com medo de registrar os fatos em outro país", neste caso a França, por isso decidiu fazer a denúncia na 6ª Delegacia de Defesa da Mulher, no bairro de Santo Amaro, na cidade de São Paulo.

Na noite de sábado, o atacante Neymar afirmou que caiu em uma armadilha e que não cometeu nenhuma violência sexual. As afirmações foram feitas em um vídeo de sete minutos nas redes sociais do atleta.

No vídeo, ele mostra trechos de conversas supostamente mantidas com a mulher que o acusa, além de fotos e vídeos em que ela aparece seminua. As imagens do rosto da mulher estão borradas, e não é possível identificá-la.

"Quem me conhece sabe do meu caráter, da minha índole. Sabe que eu jamais faria uma coisa desse tipo", disse o jogador. "O que aconteceu em um dia foi uma relação entre um homem e uma mulher, dentro de quatro paredes, algo que acontece com todo casal."

No vídeo o atacante também sugeriu ter sido vítima de extorsão, sem acusar diretamente a mulher. De acordo com o pai de Neymar, representantes da acusadora se encontraram com ele e pediram dinheiro para que ela não falasse nada.

 

 

 


fonte: DW
Fussball Champions League Spieltag 5 Gruppe C l Paris PSG vs Liverpool Tor 2:0 - Neymar (Reuters/B. Tessier)RPR/efe/ots

Notícias, Dicas & Informações de Santa Catarina

More Articles

Curiosidades da história

More Articles

Tecnologia

More Articles