Partida de futebol feminino marca campanha Outubro Rosa da Alerj

A campanha Outubro Rosa da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) vai até Copacabana, no próximo domingo (6), para a realização do evento Futebol da Resistência,

Todas Contra o Câncer, organizado pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Alerj. Tradicionalmente, o mês de outubro é dedicado à prevenção do câncer de mama.

Nas areias do Posto 3 de Copacabana, duas equipes de futebol feminino disputarão medalhas em um jogo previsto para as 10h. Durante a partida, um mamógrafo móvel estará à disposição para que mulheres com indicação médica possam realizar o exame na hora. Mulheres sem a requisição para mamografia, poderão ser avaliadas por uma equipe médica da Alerj e, se houver indicação, também poderão fazer o exame.

O Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) estima que cerca de 59 mil mulheres serão diagnosticadas com a doença em 2019, no Brasil. Segundo a instituição, a detecção precoce é o maior aliado para a cura da doença.

A presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, Enfermeira Rejane (PCdoB), chamou a atenção para a importância de o equipar os hospitais para prevenir e tratar o câncer de mama: "É imporante lutar em defesa de ter um mamógrafo, de ter outros tipos de aparelhos no Rio de Janeiro, de radioterapia, de quimioterapia”, destacou a deputada.

Enfermeira Rejane observou que muitos aparelhos essenciais para ajudar no diagnóstico do câncer de mama estão parados em unidades hospitalares do estado ou não existem. Segundo ela, graças à atuação da comissão, um aparelho foi liberado pelo governo do estado para a Região dos Lagos.

Outras atividades
A primeira atividade da campanha da Alerj foi o Capacita Mulher - Especial Outubro Rosa, que trouxe representantes de instituições públicas de saúde e entidades civis de apoio às mulheres com câncer para debater o tema Controle e Prevenção de Câncer de Mama, com a enfermeira Maria Beatriz Kneipp Dias, da Divisão de Detecção Precoce e Apoio à Organização de Rede. Duas novas edições do Capacita Mulher estão programadas para os dias 10 e 24 de outubro. “A gente quer, pelo menos, debater sobre o assunto durante o mês de outubro, embora saibamos que a luta é todo dia”, destacou a deputada.

No dia 17 de outubro, às 13h, será inaugurada no Salão Nobre da Alerj a exposição A Mulher e o Câncer no Brasil, resultado de parceria da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher com a Fundação Instituto Oswaldo Cruz (Fiocruz) e o Museu da Vida. A exposição é aberta ao público e poderá ser visitada até o dia 31 de outubro, no salão nobre do Palácio Tiradentes, no horário das 9h às 17h.

As atividades da campanha terminam no dia 31 de outubro com a Feira Rosa – Saúde da Mulher, na Praça 15, ao lado do prédio anexo da Assembleia Legislativa. Organizações não governamentais (ONGs) ligadas ao trabalho com pacientes de câncer, além da Ordem dos Advogados do Brasil, do Conselho Regional de Enfermagem, estudantes de cursos técnicos e universidades vão oferecer gratuitamente ao público nesse dia noções de saúde, orientação jurídica e serviços básicos de aferição de pressão e teste de glicose.

Ainda como parte da campanha de conscientização o Palácio Tiradentes, sede da Alerj, ganhou iluminação especial na cor rosa.

 

 

 


fonte: Por Alana Gandra - Repórter da Agência Brasil Rio de Janeiro
Edição: Denise Griesinger

Notícias, Dicas & Informações de Santa Catarina

More Articles

Curiosidades da história

More Articles

Tecnologia

More Articles